07/04/2009

A minha hora de almoço...

Comer uma sopa e dois kiwis na cozinha da agência.

Sair para ir tomar um café à Rua dos Jerónimos.

Um telefonema de uma tia-madrinha que me chama de melga, mas que tem sido incansável em assegurar que nada nos falta, às duas. E ultimamente sabe perfeitamente quando é que eu preciso, ou não, da conversa da treta (acho que me fica mal dizer mimos, perante uma tia que me chama de melga, eheheh).

Um telefonema do "Pipo" (que mais é um irmão) que também me tem apoiado bastante. Mas esse não dá mimos, pelo contrário, dá-me na cabeça. Já se deve ter esquecido que eu sou a mais velha, ehehehe.

Um pacote de M&M's e um longo passeio a pé, com o mp3 na lista Blue Mood, o que assegura ouvir as baladas mais bonitas e melhor cantadas.

E quase a chegar ao destino, cruzo-me com um amigo antigo, com quem tenho pouco contacto actualmente, que era companheiro das noites de karaoke de há uns bons anos atrás. E... ele não me reconhece e lança um olhar daqueles que tantas vezes o vi lançar às meninas boazonas. Começo-me a rir, antes que ele se saísse com uma das dele, e denuncio-me "não digas nada de que te possas arrepender, jovem". Corado, murmura: "Desculpa, não te reconheci. Estás gira."

Portanto, a minha hora de almoço correu bem. E acumulei energia para as próximas quatro horas.

E mais um dia se vai passando sem que eu me traia a mim própria e não consiga controlar as minhas emoções.

E logo vou buscar-te, minha filha linda, e esperar que te portes muito bem e que troquemos energias de luz uma com a outra, com o poder do nosso amor e também do universo.

ADENDA: E antes de almoço, uma breve conversa com uma amiga pelo messenger também soube MUITO bem. E ela chamou-me gira e magra, lol.

3 comentários:

flores disse...

Eu não sou gajo, mas fui companheira de karaoke e tb disse q estás gira. Espero ter dado o meu contributo, ainda q modesto. :)

Beijinho

Filipa disse...

Que bom!
Quanta coisa boa!

sonia disse...

So coisas boas para o ego portanto :))))